O que é e como criar um fluxo de automação?

Você já pensou em otimizar as suas campanhas digitais, fazendo com que os leads avancem pelo funil de vendas de maneira automática? Bacana, não é mesmo? É exatamente essa a proposta do fluxo de automação.

Isso porque o e-mail é um dos principais canais para gerar conversão de vendas on-line. Por isso, é essencial que a sua empresa saiba o que é o fluxo de automação e como criar um.

Se você não domina o assunto, fique tranquilo! Pegue um cafezinho e boa leitura!

O que é fluxo de automação?

O conceito de fluxo de automação é muito simples: criar e-mails automatizados. Isso acontece de acordo com as interações do seu cliente no site, blog ou mídias sociais da sua empresa.

Por exemplo: imagine que um lead entrou no site da sua empresa e baixou um material rico de topo de funil. Quando ele está na etapa de atração, ainda não sabe se tem um problema, certo?

Por isso, você precisa nutrir esse lead, conduzindo-o em todas as etapas do funil de vendas. Assim, você pode criar disparos de e-mails estratégicos para que ele entenda mais sobre o assunto e, ao final, efetue a venda.

Em outras palavras, o fluxo de automação garante que o seu lead será alimentado até tornar-se um cliente real. Para isso, investir em um software de automação é essencial, porque além dos disparos de e-mails, eles permitem relatórios completos.

Quais são os benefícios da estratégia?

  • melhorar o relacionamento com o seu público;
  • efetivar vendas mais rapidamente;
  • nutrir os leads;
  • conduzir o visitante em todas as etapas do funil;
  • oferecer ao time de vendas leads qualificados;
  • otimizar a entrega dos seus materiais ricos;
  • economizar tempo do time interno;
  • melhorar as conversões;
  • aumentar o tráfego do site;
  • criar mais engajamento nas mídias sociais.

Como funciona o fluxo de automação?

Criar um fluxo de automação para a sua empresa não é um bicho de sete cabeças. Porém, você precisa ter um bom time de inbound marketing — ele trabalha com três grandes pilares no universo on-line: SEO, marketing de conteúdo e redes sociais.

Então, primeiramente, é preciso melhorar a visibilidade digital da sua empresa, tendo um site atualizado, com um bom cronograma de conteúdo para as mídias sociais e até mesmo um investimento em campanhas pagas.

Depois disso, você precisa testar! Se um fluxo não deu certo, aperfeiçoe as estratégias até que ele converta clientes. Além disso, o fluxo de automação segue a mesma linha da jornada de compra do cliente:

  • aprendizado e descoberta;
  • reconhecimento do problema;
  • consideração da solução;
  • decisão de compra.

O que eu preciso para fazer um fluxo de nutrição?

Conforme citamos anteriormente, não existe regra de ouro para você criar um fluxo de nutrição para a automação das suas campanhas. Contudo, existem algumas dicas que você pode testar com as suas estratégias. Vamos lá?

Tenha uma boa lista de e-mails

Tenha um bom banco de dados: você precisa saber quem é o seu cliente e o seu e-mail. Saber o seu nome e a empresa em que trabalha é fundamental para você criar uma conversa personalizada.

Conheça a sua persona

Para conseguir comunicar-se com eficácia com o seu cliente, você precisa conhecer as suas personas. Somente assim, você sabe o tipo de linguagem que deve empregar, quais são os conteúdos do seu interesse e também qual é o momento certo para realizar os disparos.

Crie conteúdo de qualidade

Tenha muito conteúdo rico em toda a presença on-line da sua empresa. O planejamento mensal de conteúdo estratégico é fundamental para ter material para divulgar para o seu cliente.

Escolha o software para automação

Pesquise quais são os principais softwares de automação e avalie o melhor custo-benefício. É essencial que o programa ofereça recursos como: personalização, relatórios e envio do fluxo de maneira automática.

Como fazer um fluxo de automação?

Agora que você já compreendeu o que é e o que é necessário ter para criar um fluxo de automação, vamos conferir algumas ideias para montar um para a sua empresa?

1) Tenha um material rico no site para download

Você precisa ter um bom material e de qualidade para que a pessoa faça o download no site. Isso porque você precisa da autorização dela para o envio dos materiais (conforme normas GDPR) e também porque você precisa saber o seu nome e o seu e-mail.

2) Envie um e-mail de boas-vindas

O primeiro contato com o lead é enviar um e-mail de boas-vindas, em que você deve apresentar-se, agradecer o interesse na sua empresa e disponibilizar o material que ela solicitou.

3) Envie uma oferta de topo de funil

Dois dias depois da primeira oferta, continue o relacionamento sugerindo a leitura de um texto de topo de funil.

4) Envie uma oferta de meio de funil

Três dias depois do último e-mail, envie um texto de meio de funil para que o lead avance para a próxima etapa.

5) Envie um gatilho de fundo de funil

Dois dias depois da última interação, sugira a leitura de um texto de fundo de funil através de um e-mail totalmente focado na conversão. Ofereça também um teste gratuito na sua plataforma, um cupom de desconto ou até mesmo um brinde.

E aí? Curtiu as nossas ideias sobre montar um fluxo de automação para a sua empresa? Então, compartilhe este post com os seus amigos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *